Terça-feira, 17 de Março de 2009

Magalhães: de "Errare humanum est" a "Herrar é o Mano".

 

A evolução da Língua Portuguesa na "Era Socialista" passou a ser feita através de uma nova metamorfose. Até aqui, explicávamos a evolução da Lingua partindo do Latim até ao Português. Na "Era Socialista", passaremos a explicar aos alunos como a Língua Portuguesa evoluiu do "Latim" ao "Magalhanês". Esta evolução enquadra-se numa perspectiva de reconhecimento deq ue qualquer analfabeto poderia ser engenheiro. É a forma de reconhecimento do saber que Sócrates implementou com ao Programa "Novas Oportunidades" dissemina e prolifera como um vírus sem descontrolado... São as formas de ascensão no saber bem características da filosofia que sustente a democratização dos diplomas. Para este Partido Socialista (em que qualquer  cidadão, mesmo que tenha tido fracasso escolar sucessivo pode vir a ser "Doutor"!..

 

Com a "Era Socialista" no poder, seja pelos escritos produzidos pela Directora Regional de Educação do Norte (DREN) seja pelos Programas contidos no Magalhães (o computador falsamente apresentado pelos Socialistas que governam como Genuinamente Português!), a Língua Portuguesa poderá ser caracterizada  como o resultado de uma evolução em 3 etapas:

 

Latim: Errare humanum est

Português: Errar é Humano

Magalhanês: Herrar é o Mano

 

Parece mesmo um filme... e estará em exibição em todas as casas do país… num qualquer computador “MAGALHÃES”... bem perto de Si!   É caso para desabafar: Pobre Língua de Camões! Que te havería de acontecer ... Tão maltratada que és por estes novos  Socialistas.  E tenta o governo dizer ao Povo que há problemas na Escola e que tem de ser feito um esforço para melhorar o Ensino... ! Os professores que aguentem... O que vale é que os professores são persistentes e sabem, ou melhor, esperam (para o bem do ensino dos jovens de Portugal) que esta fase socialista é passageira! Os eleitores (pais e familiares dos primeiros utentes da Escola!) que abram os olhos...

 

Nós apenas dizemos ao Governo: "Por favor…! Poupem-nos a mais desgraças…  Para nos envergonharem no estrangeiro, já nos basta a ver a forma como os Chefes dos países da Europa se riam ao ouvir falar  Inglês o nosso Primeiro Ministro (engenheiro!) José Sócrates.

 

 

Ai, Sócrates… Quanta falta te fazia que tivesses conhecimento das célebres frases de Groucho Marx, actor americano (1890 a 1977): "É melhor ficar calado e passar por ignorante que abrir a boca e dissipar quaisquer dúvidas"!

 

Como diria o Zé Povinho: Ah, pobre Sócrates, nem às solas do Barroso chegas!

 

Agora, com um esforço de imaginação já estou a ver como os "Gato Fedorento" tratariam, humoristicamente, deste tema:

Numa grande Homenagem a Fernão de Magalhães, José Sócrates apresentou ao país o primeiro computador genuinamente português! (Bem... o primeiro, quer dizer... o primeiro... a ter escrita em magalhanês!... É que por esse mundo fora, há mais uns 4 ou 5 iguais e... Sr. primeiro Mnistro... há mais de um ano! Então os senhores do plano Tecnológico Inovador nem sabem o que existe por esse mundo? Está bem... Está bem... Até podem passar mentiras a uma grande parte de portugueses porque como ainda nem lhes chegou a casa o "Magalhães" não podem dar uma voltinha pelo mundo virtual e descobrir um REAL MENTIRA! Mas enfim... vamos lá dar um puntinho ao Sr. Ministro. Ele até estava de boa fé... Só que não sabia, como do costume, do ques está a falar porque anda muito mal informado... Pobre... Nem tem culpa... O Plano Tecnológico ainda nem chegou a S. Bento... Aliás, este Magalhães é original... quanto mais não seja, porque é o único em cor azul...  Bem e apresenta software escrito em "Magalhanês"... Resumindo: mudou a cor da bolsa e fez o que nunca ninguém tinha ainda feito: escrever em Magalhanês… Vá lá…! O Primeiro-Ministro bem poderia brindar as criancinhas com um produto cor-de-rosa! Ou pelo menos, para as meninas, não acham?!…”

  

Englobado na grande e inovadora iniciativa do Plano Tecnológico o (DES)governo de José Sócrates continua a trabalhar arduamente na sua grande aposta: “Educação A Caminho do Abismo”! Em breve, todas as crianças, jovens e adultos, (governantes do futuro) com ajuda do inovador e genuinamente português preparados para falar o novo idioma oficial de Portugal: o "Magalhanês". Assim, ficaremos seguramente, mais afastados do Brasil”

 

*   Herrar é... O Mano 

*  "Cada automóvel só pode mover horizontalmente ou verticalmente. Tu  deves ganhar espaço para permitir ao carro vermelho de sair pelo portão à direita." 

*  "O Tux escondeu algumas coisas. Encontra-las na boa ordem." 

*  "Carrega nos elementos até pensares que encontras-te a boa resposta.  (...) Nos níveis mais baixos, o Tux indica-te onde encontras-te uma  boa cor marcando o elemento com um ponto preto. Podes utilizar o botão  direito do rato para mudar as cores no sentido contrario." 

*  "Dirije o guindaste e copía o modelo." 

*  "Abaixo da grua, vai achar quatro setas que te permitem de mexer os  elementos." 

* Nota: instruções para o jogo sudoku: "O objectivo do quebra-cabeças é de entrar cifres entre 1 e 9 em  cada quadrado da grelha, frequentemente grelhas de 9x9 que contéem  grelhas de 3x3 (chamadas 'zonas'), começando com alguns números já  metidos (os 'dados'). Cada linha, coluna, e zona só pode ter uma vez  um símbolo ou cifre igual." 

*  "Carrega em qualquer elemento que tem uma zona livre ao lado dele.  Ele vai ir para ela." 

*  "Enfia a bola no buraco preto á direita." 

*  "Com o teclado, escreve o número de pontos que vês nos dados que caêm." 

*  "O objectivo do jogo é de capturar  Ao princípio do jogo 4 sementes são metidas em cada casa. O jogadores  movem as sementes por vês. A cada torno, um jogador escolhe uma das 6  casas que controla. (...) Se a última semente também fês um total de 2  ou 3 numa casa do adversário, as sementes também são capturadas, e  assim de seguida. No entanto, se um movimento permite de capturar  todas as sementes do adversário, a captura é anulada (...). Este  interdito é ligado a uma ideia mais geral, os jogadores devem sempre  permitir ao adversário de continuar a jogar." 

*  "Aceder ás actividades de descoberta."  

*  "Pega as imagens na esquerda e mete-las nos pontos vermelhos." 

*  "Carrega e puxa os elementos para organizar a historia."  (nota: "historia" é repetidamente escrito sem acento) 

*  "Saber contar básicamente." 

*  "Move os elementos da esquerda para o bom sitio na tabela de entrada  dupla." 

*  "Puxa e Larga as peças no bom sitio."  (nota: "sitio" nunca é escrito com acento) 

*  "Com o teclado, escreve o número de pontos que vês nos dados que caêm." 

*  "Primeiro, organiza bem os elementos para poder contar-los (...)." 

*  "Carrega no chapéu para o abrires ou fechares. Debaixo do chapéu,  quantas estrelas consegues ver a moverem? Conta attentamente. Carrega  na zona em baixo à direita para meter a tua resposta." 

*  "Treina a subtracção com um jogo giro. Saber mover o rato, ler  números e subtrair-los até 10 para o primeiro nível." 

*  "Quando acabas-te, carrega no botão OK ou na tecla Entrada." 

*  "Conta quantos elementos estão debaixo do chapéu mágico depois que  alguns tenham saído." 

*  "Olha para o mágico, ele indica quantas estrelas estão debaixo do  seu chapéu mágico. Depois, carrega no chapéu para o abrir. Algumas  estrelas fogem. Carrega outra vês no chapéu para o fechares. Deves  contar quantas ainda estão debaixo do chapéu." 

*  "Lê as instruções que te dão a zona em que está o número a  adivinhar. Escreve o número na caixa azul em cima. Tux diz-te se o  número é maior ou mais pequeno. Escreve então outro número. A  distância entre o Tux e a saída à direita representa quanto longe  estás do bom número. Se o Tux estiver acima ou abaixo da saída, quer  dizer que o teu número é superior ou inferior ao bom número." 

*  "Tens a certeza que queres saír?" 

*  "Aprende a escrever texto num processador. Este processador é  especial em que obriga o uso de estilos (...)" 

*  "Neste processador podes escrever o texto que quiseres, gravar-lo e  continuar-lo mais tarde. Podes estilizar o teu texto utilizando os  botões à esquerda. Os quatro primeiros permitem a escolha do estilo da  linha em que está o cursor. Os 2 outros com múltiplas escolhas  permitem de escolher tipos de documentos e temas coloridos  pré-definidos." 

*  "Envia a bola nas redes" 

*  "É preciso saber manipular e carregar nos botões do rato fácilmente." 

*  "O objectivo é só de descobrir como se podem criar desenhos bonitos  com formas básicas (...)." 

*  "O objectivo é de fabricar um forma dada com sete peças." 

*  "Quando o tangram for dito frequentemente ser antigo, sua existência  foi somente verificada em 1800."  (nota: explicação do tangram, um quebra-cabeças tradicional chinês) 

*  "Mexe as peças puxando-las. Carrega o botão direito nelas para as  virar. Selecciona uma peça e roda à volta dela para a rodar. Quando a  peça pedida estiver feita, o computador vai reconhecer-la (...)." 

*  "Reproduz na zona vazia a mesma torre que a que está na direita." 

*  "Reproduzir a torre na direita no espaço vazio na esquerda." 

*  "Puxa e Larga uma peça por vês, de uma pilha a outra, para  reproduzir a torre na direita no espaço vazio na esquerda." 

*  "Move a pilha inteira para o bico direito, um disco de cada  vês."(nota: as quatro últimas frases são as instruções dos jogos  "Torres de Hanoi" e Torres de Hanoi simplificadas" - "Hanoi" sem  acento no "o") 

*  "Torno dos brancos"  (nota: a vez de jogar das peças brancas num jogo de xadrez) 

*  "Joga o joga de estratégia Oware contra o Tux."    

 

Como podem estes governantes Socialistas colocar em causa a competência dos professores? Será que ninguém no Ministério teve o bom-senso de “dar uma olhadela” aos programas do Magalhães antes de os comercializar, antes de “obrigarem” os professores a “vender” aos pais esta porcaria?

Sem palavras… 

É caso para perguntar: "Para onde vai a Língua  Portuguesa? Já não bastava terem assinado um acordo luso-brasileiro (lusobrasileiro?!) para que a Língua seja mais um conjunto de complicações?  O Governo Português promove e patrocina a disseminação de uma nova variante: o "magalhanês"?

publicado por J.Ferreira às 12:14

link do post | comentar | favorito
|  O que é?

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Em Nome do DESACORDO Orto...

. Sucesso Escolar versus Co...

. António Costa e a Queda d...

. O Regresso dos Rankings e...

. Nas Tintas Para a Opinião...

. PAIS de ONTEM na escola d...

. O Milagre das Escolas Pri...

. Os Donos do Sol

. Políticos Vivem Acima das...

. Direito à Habitação versu...

.arquivos

. Maio 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Fevereiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

.tags

. todas as tags

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds