Até que o Teclado se Rompa!
"O que mais preocupa não é o grito dos violentos, nem dos corruptos, nem dos desonestos, nem dos sem ética. O que mais preocupa é o silêncio dos bons." (Martin Luther King)

12 Dezembro 2008

QUEREMOS SER AVALIADOS E APENAS

POR PESSOAS COM FORMAÇÃO E COMPETÊNCIA

 

O CONCURSO PARA PROFESSOR TITULAR

NÃO GARANTE ESTA EXIGÊNCIA !

 

PROFESSORES AVALIADOS NAS UNIVERSIDADES

COM 12 OU 13 VALORES APROVARAM...!

 

ACABEMOS COM O ABSURDO DE UMA PROVA EM QUE A

MINISTRA VEM EXIGIR UM MÍNIMO DE 14 VALORES?

 

ESTE MINISTÉRIO QUER DESTRUIR O SISTEMA EDUCATIVO

ESTE MINISTÉRIO QUER DESTRUIR A ESCOLA PÚBLICA!

 


 

CRÓNICA DA

 MORTE ANUNCIADA

DO

 MODELO DE AVALIAÇÃO

 

Professores entre A VIDA ou MORTE PROFISSIONAL

 

SENTENÇA DE MORTE PARA UM

TÃO ABSURDO QUANTO INJUSTO...

MODELO DE AVALIAÇÃO

ESTÁ NA TUA... NA MINHA...

NA NOSSA...   MÃO !

 

Para   Reflectir... Decidir ... Agir

RESPEITANDO A LEGALIDADE !


1. Com excepção dos membros dos PCEs, e dos avaliadores que ou não são avaliados ou sê-lo-ão pelas DREs, todos os outrosdispõem daliberdade (e da responsabilidade!) de recusarem ser avaliados.

2. Todos os titulares (aos que exercem a função e aos que o são em comissão de serviço),  não titulares  e coordenadores de departamento podem, legalmente, decidir se querem ou não ser avaliados!

3. De acordo com o decreto-lei 15/2007 e o decreto regulamentar 2/2008, um professor que recuse ser avaliado não pode progredir na carreira nesse ano. Não existe mais nenhuma penalização prevista!

4. Temos Força, colegas! Somos 140.000 professores !

5. Porque, a esmagadora maioria dos docentes não progride este ano, logo, a penalização é residual.

6. Está nas nossas mãos, professores, demonstrar uma vez mais, a incompetência legislativa deste ministério usando simplesmente as prerrogativas que a lei por eles elaborada nos concede: Todos temos o estatuto de avaliados!

7. Todos podemos, RECUSA-TE A SER SUBMETIDO A ESTA HUMILHAÇÃO.

8. Não é necessário que os avaliadores recusem avaliar os colegas (Se o fizerem podem estar a incorrer numa violação dos direitos profissionais já que “avaliar os colegas” faz parte dos conteúdos funcionais dos professores titulares. Logo, a ameaça de avançar com processos disciplinares (tal como fez a DRE do Norte) refere-se apenas aos professores avaliadores.

9. Não é necessário que os avaliadores violem conteúdos funcionais! No entanto, todos os avaliadores (enquanto avaliados e à semelhança dos não titulares!) podem também recusar-se a ser avaliados.

O ME sabe ! A ministra também! O Pedreira também sabe.

Todos sabem…. Todos sabemos…!
Viram o que se passou entre o aluno que ficou sem o Telemóvel nos exemplos atrás? Agora comparem com o que se passou em PORTUGAL... !

 


Conclusão:

A família não educa os jovens... depois, a culpa do insucesso é dos professores. Bem vai o país...

 

publicado por J.Ferreira às 15:24

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
13

14
15
16
17
19
20

21
22
25
26
27

28
29
30
31


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

7 seguidores

subscrever feeds
blogs SAPO