Até que o Teclado se Rompa!
"O que mais preocupa não é o grito dos violentos, nem dos corruptos, nem dos desonestos, nem dos sem ética. O que mais preocupa é o silêncio dos bons." (Martin Luther King)

28 Junho 2009

Há coisas que correm pela internet a que não podemos deixar de dar a visibilidade de necessária. E esta é uma delas...

 

Este Governo e esta Ministra da Educação dizem querer ver o Ensino Português com os resultados do Ensino Finlandês.

Pois bem... Os Pais portugueses - e os Professores TAMBÉM SIM! (também são pais e têm filhos no sistema público há que não esquecer…!) – querem que o ensino português seja igual ao finlandês. Mas em tudo...! Não apenas no que, demagogicamente, José Sócrates decide que se deve igualar.

 

Vamos a isso… Senhora Ministra. Vamos a corrigir ALGUNS PEQUENOS PORMENORES que distinguem o Ensino em Portugal com o Ensino na Finlândia.


COMECEMOS, pois, Senhora Ministra, por ELIMINAR as VERDADEIRAS DIFERENÇAS:

1. Na Finlândia, o ensino é totalmente gratuito, inclusivamente os livros, cadernos e outro material escolar;

EM PORTUGAL TAMBÉM NÃO!

2. Na Finlândia, há auxiliares de acção educativa que acompanham constantemente os alunos;

EM PORTUGAL TAMBÉM NÃO!

3. Na Finlândia,
os pais são estimulados a educar as crianças no intuito de respeitarem e valorizarem  a Escola e os Professores;

EM PORTUGAL TAMBÉM NÃO!

4. Na Finlândia os professores têm tempo para preparar aulas e são profissionais altamente respeitados.

EM PORTUGAL TAMBÉM NÃO!

5. Na Finlândia as aulas terminam às 15:00 horas, hora a que os alunos vão para casa brincar, estudar, usufruir do seu tempo livre e não permanecem "encaixotados" no mesmo sítio sem condições;

EM PORTUGAL TAMBÉM NÃO!

6. Na Finlândia as turmas têm um professor especializado sempre presente para acompanharalunos com necessidades educativas especiais;

EM PORTUGAL TAMBÉM NÃO!

7 . Em Portugal há professores avaliadores e professores avaliados;

NA FINLÂNDIA TAMBÉM NÃO!


8. Em Portugal professores de primeira e de segunda;

NA FINLÂNDIA TAMBÉM NÃO!

 

9. Em Portugal as turmas podem ter 30 alunos;

NA FINLÂNDIA TAMBÉM NÃO!


10. Em Portugal gastam-se milhares e milhares de euros com centenas e centenas de Inspectores;

NA FINLÂNDIA TAMBÉM NÃO!

Se o Governo for capaz de igualar o que nos distingue, talvez seja dado o primeiro passo para que o Ensino melhore e se aproxime do que tem a Finlândia.

Até lá… 

 

 

publicado por J.Ferreira às 11:34


É completamente demagógica e superficial a forma como este executivo pretende fazer passar a mensagem de que está tudo bem, em termos de educação.
Esta sua abordagem, não podia ser mais oportuna.
Concordo , em absoluto, com o exposto.

Cumprimentos
lidia a 15 de Julho de 2009 às 14:51

pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Junho 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
20

21
22
23
24
25
26
27

29
30


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

7 seguidores

blogs SAPO