Até que o Teclado se Rompa!
"O que mais preocupa não é o grito dos violentos, nem dos corruptos, nem dos desonestos, nem dos sem ética. O que mais preocupa é o silêncio dos bons." (Martin Luther King)

07 Dezembro 2012
As tramas que nos tramam desmascaradas pos Paulo Morais. Após os 46 segundos de vídeo,  afirma que "O Parlamento é uma grande central de negócios...". E acrescenta (aos 3:50) afirma categoricamente que... "na Suécia metade destas pessoas estariam presas".

Corrupção no Parlamento?...  Quem o diz isto é o Professor Universitario Paulo Morais. Porém, a ideia é partilhada por Marinho Pinto.

Segundo noticiou o Expresso um estudo internacional coloca-nos à frente da Espanha... "Portugal mais corrupto que Espanha e França  Tristemente, e mais uma vez, naquilo em que bem poderíamos ficar atrás pois o objecto em análise no estudo era a corrupção. Diz a notícia que o "Ranking anual da transparência coloca Portugal à frente da Itláia e da Grécia.

Por seu lado, o estudo aponta que "Angola está no vermelho com um baixo desempenho das instituições públicas". Paíeses nórdicos aparecem nos melhores lugares nesta matéria. A corrupção parece que não gosta do frio... Assim, "a Dinamarca, Finlândia e Nova Zelândia, tidos como os países "mais limpos".


Será que alguém ainda fica espantado como esta notícia?

Lembram-se dos políticos que apontavam estes países nórdicos como exemplo a seguir?

Pois bem... Nada melhor para explicar a diferença entre a teoria e a prática.

Os políticos são como o Frei Tomás... Prega bem, mas não faz!

Segundo a otícia, "O Afeganistão, a Coreia do Norte e a Somália são os países mais corruptos, com abuso de poder e relações secretas. Portugal é o 33º menos corrupto, numa lista divulgada hoje e na qual figuram 176 nações".


E a notícia prossegue  especificando a posição ocupada pelo nosso país:

Portugal apresenta um score de 63 (33.º posto) - em ex-aequo com o Butão e o Porto Rico -, atrás da Espanha (30.º), Irlanda, (25.º) e França (22.º), mas com um índice de corrupção mais baixo do que a Itália (72.º) e a Grécia (94.º).



Há muito que se fala de corrupção. A internet está cheia de denúncias... de histórias que poderiam ajudar o poder judicial a limpar a sociedade... Por que não se mexe nada? Porque prescrevem crimes a trás de crimes? Quais são os crimes (e quem neles se encontra envolvido) que sistematicamente prescrevem?



 

Percebemos facilmente porque estamos como estamos.Com a troika ou sem a troika, estamos tramados à mesma...

Já cantava Zeca Afonso: "Eles comem tudo... Eles comem tudo.... Eles comem tudo e não deixam nada!"


Alguém tem dúvidas sobre os motivos por que estamos (e deficilmente sairemos) da cauda da Europa?

Até que os tribunais  condenem alguns dos desfalcadores do erário público (ou mandem esses  corruptos para o Chile, país com que muitos dos que nos governaram (a ver pelo que fizeram à educação) parecem ter uma certa  empatia..., não sairemos da cepa torta!


Afinal... Quem quer acabar com a corrupção???



publicado por J.Ferreira às 13:25

pesquisar
 
Dezembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

7 seguidores

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO