Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Até que o Teclado se Rompa!

"O que mais preocupa não é o grito dos violentos, nem dos corruptos, nem dos desonestos, nem dos sem ética. O que mais preocupa é o silêncio dos bons." (Martin Luther King)

Até que o Teclado se Rompa!

"O que mais preocupa não é o grito dos violentos, nem dos corruptos, nem dos desonestos, nem dos sem ética. O que mais preocupa é o silêncio dos bons." (Martin Luther King)

A notícia do Público - que podem ler aqui - é algo que para ós vem com mais de 20 anos de atraso. De facto, há mais de duas décadas que clamamos pela necessidade dos governantes mudarem de políticas relativamente a medidas de protecção da família ou a população portuguesa corria o risco de não ter capacidade de repor o (...)
Conhecem a história do Frei Tomás? Pois bem... Se sim, leiam até ao fim. E, se não, leiam também até ao fim, ou até compreendam do que se trata. Seguramente que vai valer a pena. Arrisquem a perder alguns minutos e talvez, com este artigo, possam reconstruir a vossa própria história do Frei Tomás. Vem isto a propósito de uma notícia sobre uma intervenção de António Barreto (...)
Caríssimo leitor... Imagine que vivemos num Paraíso chamado Europa. Vamos lá... Faça lá um pequeno (ou grande!) esforço! Ou melhor.... Peço perdão! Imagine que esta Europa de Sonho para alguns mesmo um Paraíso se converte, a pouco e pouco, numa Europa de Pesadelos para a maioria... Exagero? Pois sim... Então tenha a coragem de ler até ao fim!   Foi aprovada a aposentadoria aos 50 anos com 9.000 euros por mês para os funcionários da UE (...)
Imensas mensagens de indignação como estas circulam pela Net... Simplesmente correm de email em email pedindo que se contribuas denunciando da forma que estiver ao nosso alcance... Pois, como a nossa democracia ainda prevê e defende a "liberdade de expressão"... cumprimos a nossa parte. E, aqui denunciamos:   Num país em que os máximos responsáveis da Governação querem que os cidadãos declarem as prendas de casamento e o seu valor… vejamos por onde andam (...)
Por muito que custe a um determinado grupo de cidadãos (políticos que se julgam a elite social), para se ser democrata não basta ter-se sido eleito.   Com efeito, muitos ditadores também tinham sido eleitos… democraticamente!... E muitos dos eleitos transformam-se em autênticos ditadores. E, Salazar também o tinha sido. Ou será que Salazar também foi mentor de uma revolução invisível como os capitães de Abril ?... Pois bem. Este é um problema que as (...)
Assistimos em Portugal ao desenvolvimento de uma sociedade que se caracteriza por cada vez maiores e mais fortes contrastes. De um lado, a classe política (governantes e demais cargos públicos de nomeação política) a usufruir de salários "chorudos" num momento em que Portugal atravessa uma forte crise. De facto, a crise toca a todos menos à classe política e dirigentes por ela nomeados. A cada dia que passa se fica a conhecer mais um ou outro político que se encontra a receber do (...)